Quem pensa que pedalar é só um passeio está muito enganado. Andar de bicicleta e um exercício físico e que em muitos casos precisa de treinamento especializado. Algumas pessoas que decidiram incluir o ciclismo em seus hábitos diários também perceberam que é necessário um treinamento que envolva muito a estrutura muscular e também a estrutura óssea.

Os movimentos que uma pessoa faz quando pedala envolve todas as partes do corpo. é necessário conhecer o próprio corpo e entender até ele pode ir sem que tenha prejuízos na sua saúde. Dentro da prática do ciclismo temos o envolvimento do corpo físico, o corpo mental e para que tudo ande bem é preciso ter um equilíbrio entre a alimentação e a técnica.

Outo importante fator e incluir dentro do treino o fortalecimento e o alongamento. Ganhar força e rendimento é o que todo atleta deseja para alcançar alto performance e evita as tão indesejadas lesões que tiram qualquer um das provas e campeonatos deixando o atleta de molho sem poder treinar e atrasando em muitos casos o trabalho de anos de treinamento.

Orçamentos e salários das ciclistas nas UCI Women's World...

Tudo isso gera em torno de uma vida saudável e para alcançar este nível a alimentação não pode deixar a desejar. A inclusão de um acompanhamento nutricional por um profissional especializado faz toda a diferença em cada momento do pedal. Saber o que comer e o que beber durante o antes, o durante e o depois é imprescindível no alcance de bons resultados.

Assim como cuidar do ciclista é importante, cuidar da sua bike é tão importante quanto. Sempre promover o cuidado com os equipamentos e a manutenção das peças como as rodas e rolamentos e tudo que compõe a sua bike também é uma forma de segurança para você.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui